Óleo de Gergelim: Explicamos para que serve, quais os benefícios, como consumir e mais!

óleo de gergelim

O gergelim é uma semente muito usada na culinária oriental, sendo um dos principais ingredientes para pratos típicos como o sushi e o frango xadrez. Mas o que muitos não sabem é que o óleo de gergelim possui muitos benefícios para a saúde e para a beleza.

Quer saber mais sobre ele? Então é só continuar lendo esse artigo!

Composição do óleo de gergelim

gergelim propriedades

O óleo de gergelim é obtido a partir da prensagem da semente e é muito usado na Ayurveda, a medicina indiana, para tratar de muitas doenças.

Ele possui muitos nutrientes como as vitaminas K e E, fitoesteróis e ácidos graxos importantes que não são produzidos naturalmente pelo nosso organismo, como o ômega 6 e ômega 3.

Confira pra que serve esse óleo

O óleo de gergelim serve para:

  • Diminuir as dores nas articulações;
  • Hidratar o cabelo e a pele;
  • Tratar da hipertensão;
  • Favorece a queima de gorduras;
  • Controlar a diabetes;
  • Previne infecções na gengiva.

Benefícios

Os componentes desse óleo fazem com que ele seja muito utilizado. Confira os principais benefícios:

Auxilia na saúde bucalimagem de uma boca saudável

Na medicina da Índia esse óleo é usado para melhorar a saúde da boca e do sistema imunológico, através de bochechos.

Além disso, ele também serve para diminuir o desgaste dentário e clarear os dentes. Ele também trata do mau hálito, previne infecções e reduz o tártaro.

Para fazer os bochechos você terá que colocar uma colher de dopa do óleo na boca e fazer movimentos por cerca de 20 minutos. Depois disso, cupa o óleo e lave a boca em seguida.

Melhora a saúde física

O óleo exerce um efeito positivo sobre a fome, promovendo sensação de saciedade por mais tempo. Isso acontece porque o gergelim possui uma digestão bem lenta.

O ômega 3 e o ômega 6 aumentam os níveis de leptina nas células, que é um hormônio que controlas o peso corporal, e também está relacionado à sensação de saciedade.

Existem outros compostos na estrutura do óleo de gergelim, como a sesamina, a sesamolina, e o sesamol, que são antioxidantes que aumentam a atividade celular do fígado. Sendo assim, esse órgão quebra com mais facilidade e rapidez os ácidos graxos.

A sesamina também inibe a ação de enzimas lipogênicas que são as responsáveis por transformar os alimentos que ingerimos em excesso e transformá-los em gordura.

Além disso, o óleo de gergelim também contribui para reduzir as taxas de colesterol do sangue. Além de não possuir quase nenhuma porcentagem de colesterol, os ácidos graxos poli-insaturados do gergelim, o ômega 6 e ômega 3 diminuem as taxas de LDL – popularmente conhecido como colesterol ruim.

Combate o estresse e a depressão

Por conter Tirosina, um aminoácido, o óleo de gergelim eleva os níveis de serotonina promovendo a sensação de felicidade responsável por auxiliar no tratamento da depressão e do estresse.

Previne o câncer

As sementes de gergelim, quando prensadas e transformadas em óleo, possuem uma lignina lipossolúvel que tem ação fitoestrogênicas.

Essa ligina é a conhecida sesamina, essa substância inibe o desenvolvimento de diversos tipos de câncer, como leucemia, câncer de próstata, câncer de mama, câncer de pulmão, câncer de cólon e câncer no pâncreas.

Faz bem para os ossos

Os altos níveis de cálcio, zinco e fósforo fazem com que óleo estimule o crescimento e a cicatrização óssea. Dessa maneira, ele auxilia no tratamento da osteoporose.

Como consumir o óleo de gergelim?

como consumir o óleo de gergelim

Esse óleo pode ser usado no preparo de muitos pratos, sendo uma boa alternativa para substituir gorduras não saudáveis.

O azeite costuma ser bastante comparado com o óleo de gergelim, porém o primeiro possui um sabor mais amanteigado e o outro tem um sabor mais amendoado.

Além disso, o azeite libera substâncias tóxicas a saúde quando aquecido a altas temperaturas. Já o óleo de gergelim não confere nenhum risco a saúde.

Cuidados ao ingerir

Mesmo apresentando diversos benefícios, o óleo de gergelim deve ser usado com muita cautela pois possui alguns efeitos colaterais.

Antes de utilizá-lo, é importante se certificar que o produto é 100% natural e puro, pois caso contrário pode conter muitos parabenos que não fazem bem a saúde.

Possui alguma dúvida sobre esse artigo? Deixe um comentário abaixo que nós vamos te responder!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Você Também Irá Gostar De:

Você Também Vai Gostar Em Nosso Site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *