Óleo de rícino: O que é? Emagrece? Quanto custa? Causa aborto?

oleo de ricino

O óleo de rícino é um aliado para combater a queda de cabelo e não para por aí, ajuda no crescimento e fortalece os fios. Da semente de mamona é de onde sai essa substância ricinica ou de mamona e ao contrário das sementes que são encontradas nos mamoeiros o óleo de ricina não é tóxico à saúde humana.

Finalmente deixando bem claro que a ricina não é tóxica e também não é solúvel em outros líquidos. O processo de extração do óleo ocorre no momento que é retirado a substância retida dentro da mamona. Ainda mais que seus diversos benefícios estão associados as suas propriedades em combater fungos e bactérias que podem impedir o crescimento do cabelo.

O que é óleo de rícino?

o que e

O óleo de rícino é uma substância extraída através de forma mecânica e química da mamona que contém a sua essência rica em nutrientes. Ainda que não aja comprovação cientifica sobre os seus efeitos em tratamentos patológicos o produto é certamente usado quando o assunto é: tratamento estético.

Em contrate disso a sua utilização para a beleza não é algo recente. Sendo uma substância bastante conhecida entre a comunidade de terapias naturais os efeitos laxativo, lubrificante, anti-inflamatório e antioxidante são relatados desde o Egito antigo.

Qual é o processo de produção do óleo de rícino?

produção óleo de ricino

Após o colhimento da planta, ocorre a limpeza e higienização da mamona. Depois disso ela é cozida e prensada é desta forma que é produzido o óleo. Ainda assim, cerca de 50% do componente permanece nas sementes da mamona. Por essa razão é misturado alguns solventes como: hexano, heptano e éteres de pétroleo que não interferem na composição original.

Finalidades ?

finalidades

Certamente quando o processo tem objetivo medicinal, o processo citado acima se altera. Como?

A prensa é usada em uma baixa temperatura como resultado disso o líquido sai mais limpo, livre de toxinas, sem acidez e outros tipos de impurezas. O resultado disso é uma substância mais neutra, com aroma leve  e consistência oleosa com a sua propriedade essencial constituída ácido ricinoleico o famoso ômega 9.

Por outro lado ao produto destinado a industria, a prensagem é feita em altas temperaturas, o que gera ainda mais acidez ao produto, cerca de 0,5% até 1% de impurezas. Na área comercial o composto é certamente empregada como matéria-prima relacionada ao biodiesel.

Óleo de rícino emagrece?

óleo de ricino emagrecimento

O óleo contém entre 70 e 80 por centro dos triglicerídeos do ácido ricinoleico. Esse ácido apresenta propriedades antibacterianas, analgésicas e anti-inflamatórias,  em contraste disso o produto reduz inflamações, melhora a assimilação intestinal e estimular as regiões onde existe gordura legalizada. Por sua ação laxante ele também elimina as gorduras e toxinas contidas no corpo. E ainda mais, ele também ajuda na diminuição dos sintomas do período menstrual, como inchaços e cólicas.

É fundamental que você consulte um médico antes de consumir o óleo de rícino. Porque a ingestão em excesso pode causar inúmeros efeitos colaterais.

Veja também alguns chás de ajudam a emagrecer!

Como ele age no cabelo?

óleo de ricino cabelo

Assim como hidratação para os fios, as propriedades do óleo de ricina também limpam o couro cabeludo de forma tão profunda e eficaz como o bicarbonato de sódio.

Agora vamos falar para quais casos ele é indicado.

  • Se você sofre com queda de cabelo: graças ao ômega 6 e o ômega 9, o óleo de rícino pode dar maior volume ao cabelo. Esse efeito só ocorre por causa do ácido graxo. O ácido graxo fortalece o couro cabeludo e os folículos pilosos (local onde nascem os cabelos). Similar a isso os outros nutrientes que são encontrados dentro do óleo ajudam a melhorar o aspecto visual. E por causa do efeito de selamento entre as cutículas, o produto evita que os cabelos assumam a aparência de estarem ressacado. Finalmente você terá a achou a solução para um cabelo mais sedoso e brilhante.
  • Combate a caspa: das suas propriedades antifungos a substância também ajuda a combater a oleosidade excessiva, principalmente, quando existem bactérias e fungos obrigando as glândulas sebáceas (glândulas microscópicas que lubrificam e impermeabilizam a pele) a produzirem mais que o necessário provocando a caspa. E isso previne a descamação do couro cabeludo.

Óleo de rícino trata queda de cabelo?

queda de cabelo

Não acredite em que te diga que óleo de ricina trate a quada de cabelo. Primeiro de tudo, existem inúmeros motivos para a queda de cabelo, que vão desde uma condição genética à quadros de inflamações no couro cabeludo, ou mesmo pouca irrigação sanguínea na área.

Em casos que os fios estão caindo antes do que deviam. O óleo de ricino pode ser mais eficiente e é o mais recomendado entre todos. Por que? Porque ele estimula os fios a voltar na fase de crescimento.

Óleo de rícino causa aborto?

aborto ricino

Sim. Por que? O óleo de rícino induz a dor do parto, se usado no início do período da gestação pode forçar um aborto espontâneo.

O uso do óleo no terceiro trimestre da gestação é o mais indicado. Por que? O efeito laxante do produto induz as dores aumentando as chances do parto ser natural.

Ele também pode ser usado na prevenção de formação de estrias. Para esse tipo de opção existe alguns sintomas: náusea, lentidão e desconforto abdominal.

Outra tipo de ajuda que o óleo pode fornecer é o tratamento para contrações precoces. Ao utilizar o medicamento você irá contrair e expandir o útero o que é visto como um reforço para o órgão e isso irá minimizar as dores. Enquanto isso as paredes do útero começam a contrair e expandir se estendendo e se adaptando, e por essa razão ajuda no parto natural.

Quanto custa?

Os preços variam de R$2,00 a 17 reais nas farmácias do Brasil. Caso você opte por uma compra online o frete varia entre 9 e 15 reais (depende de onde você vai pedir) e o prazo de entrega oscila entre 3 a 10 dias também dependendo da sua localização.

Como usar?

Independente da marca de condicionador ou hidratante capilar que você tem em casa, use apenas uma colher de sopa do óleo. Dilua o produto em 200 ml de condicionador ou hidratante. Aplique a mistura durante o banho, deixe por 3 minutos no cabelo, lave com água morna ou fria e lembre-se de não deixar nenhum resíduo da mistura em sua cabeça.

Dica: Você pode usar também no seu shampoo, misture da mesma forma que foi descrito acima ☝

Pode usar na barba?

óleo barba

Ainda não existe nenhum estudo concluído sobre os seus efeitos na barba. Porém temos alguns relatos sobre quem testou o óleo de rícino!

Após aplicar a substância eles não se expunham ao sol e outros ambientes radicais para evitar a oxidação do produto no rosto. O principal benefício observado foi que: o produto na barba a através da propriedade escaleno: ajuda a limpar e deixa espaço livre para o crescimento capilar. Porém é importante avisar, que o uso do óleo não garante que a barba cresça mais.

Utilize o óleo de duas formas: puro, aplicando sobre a barba, na raiz dos fios. Massageie e deixe agir durante no mínimo 10 horas. Recomendo que você faça durante a noite.

Lembre de verificar se a sua barba e a sua pele estão limpas!
No dia seguinte é só lavar bem o rosto. Você deve aplicar o óleo 3 vezes por semana em dias intercalados. Se tiver qualquer reação adversa interrompa a aplicação e procure um médico!

A segunda forma é usar o rícino com a biotina (suplemento usado para ajudar no crescimento da barba), normalmente o Minoxidil é utilizado junto desses outros dois produtos. Porém para esse tipo de aplicação é de suma importância que você procure um dermatologista.

Óleo de rícino para acne?

óleo acne

Com suas ações adstringente, antibacteriana e umectante (hidração). Você irá ficar com a pele limpa e livre de acne e cravos. Porém devo avisar que é necessário o uso controlado do óleo, caso contrário poderá aumentar os efeitos que ajudam a proliferar a acne como o aumento da oleosidade. Basta aplicar 3 gotinhas no rosto, massagear bem, e deixar agir por 5 minutos no máximo. Retire todo o produto do rosto e pronto.

Dica: use o óleo de rícino antes de tirar a maquiagem principalmente se for à prova de água. Ele irá ajudar a limpar a sua pele de forma mais eficaz e profunda, além de evitar a oleosidade e as bactérias que ficam na pele.

Contraindicações

O remédio é extremamente contraindicado para pessoas que tem obstrução intestinal crônica, doença de Crohn, colite ulcerativa e qualquer outro tipo de inflamação no intestino.  Para mulheres gravidas é importante ressaltar o tratamento não é proibido, porém não se deve começar ou continuar nenhum tratamento capilar sem antes consultar um médico. Após a gestação não existe nenhuma restrição ao óleo de rícino durante o período de amamentação, então pode utiliza-lo a vontade.

Se você já usa o óleo de rícino, diga para gente nos comentários como é a sua experiência? Se ainda não usa e quer começar, esse post te ajudou?

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Você Também Irá Gostar De:

Você Também Vai Gostar Em Nosso Site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *